A ESET revelou um grupo hacker, conhecido como BlackTech, esteve a usar, desde o inicio deste mês, um certificado digital “surripiado” ilicitamente à D-Link e que foi usado para assinar dois malwares propagados pelo grupo.

Um dos malwares é o backdoor PLEAD e o outro é um malware que é usado para roubar passwords às vítimas. O PLEAD já tinha sido, inclusive, usado por este grupo no passado para realizar uma série de ataques na Asia. Por sua vez, o malware que rouba passwords afetava quatro programas: o Internet Explorer, o Google Chrome, o FireFox e ainda o Microsoft Outlook.

A D-Link desde o dia 3 de julho que revogou o certificado tendo emitido um comunicado de imprensa onde revela mais detalhes sobre este problema.

Classifique este item
(0 votos)
Ler 310 vezes
Tagged em

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top