Certamente já terá ouvido falar de geotagging ou geo-localização. É uma funcionalidade muito comum nos mais recentes smartphones e tablets, e que tira partido da tecnologia GPS integrada nesses dispositivos para determinar e registar a sua localização geográfica precisa. Adicionalmente, muitas câmeras fotográficas digitais no mercado já incluem esta tecnologia.

 


Isto oferece enormes potencialidades para a actividade social online dos seus utilizadores, nomeadamente a possibilidade de registar o local exacto em que as fotografias são tiradas com as câmeras dos dispositivos, seja para mais tarde recordar, para pesquisar fotografias tiradas por outros utilizadores em locais próximos, ou para partilhar com amigos através das aplicações e redes sociais.Existem mesmo plataformas sociais dedicadas à partilha de localizações geográficas entre os seus utilizadores, em troca de recompensas como descontos ou simples "carimbos" virtuais que comprovam ao mundo a presença em determinado local. O mais conhecido é provavelmente o Foursquare, mas existem redes semelhantes como a SCVNGR, Shopkick e o Loopt, e outras foram entretanto descontinuadas, como a Gowalla e a Whrrl.

Mas como todas as grandes inovações, esta tecnologia trouxe novos riscos em termos de privacidade. Principalmente porque muitos dos utilizadores de dispositivos móveis modernos desconhecem que os seus aparelhos têm tais capacidades de geo-localização, e que cada fotografia que captam inclui as coordenadas geográficas entre a informação detalhada. As consequências são óbvias, e como mero exemplo, muitas foram as celebridades que divulgaram publicamente a localização das suas casas sem o saberem.

Um dos casos graves que mereceu uma enorme atenção mediática, ocorreu após um ataque com morteiros a uma base militar dos EUA que resultou na destruição de quatro helicópteros AH-64 Apache. A sua localização exacta foi determinada através de coordenadas geográficas, contidas na informação de fotografias partilhadas na Internet por soldados que as tiraram ao sobrevoarem a base militar de helicóptero. O caso levou ao levantamento de uma auditoria sobre as consequências da utilização de dispositivos móveis pessoais por soldados do exército dos EUA, e à elaboração de um plano de comunicação e consciencialização para os soldados, inclusivamente por passarem longos períodos de tempo longe das famílias em missão, o que poderá reforçar o risco a que as expõem. Paralelamente, levou mesmo a Armada Britânica a banir a utilização destes dispositivos em determinadas circunstâncias.

Outro exemplo de algo que ocorre diariamente: muitos anúncios online anónimos contêm informação geográfica identificável que revela a localização de bens e artigos valiosos, potenciando casos de roubo. O facto de permitir correlacionar a localização de determinado indivíduo com informação adicional publicada por si na Internet, oferece muitas vezes aos criminosos as garantias necessárias de que as habitações estão disponíveis para assaltos, por motivos de férias ou devido às rotinas diárias.

E é aqui que abordamos o lado mais assustador desta realidade. De que modo pode a geo-localização colocar a sua família em risco? Hoje em dia é muito comum os pais tirarem fotos dos filhos com os seus smartphones e partilharem-nas de imediato nas redes sociais. Essas imagens divulgarão a qualquer pessoa os locais em que passeia com os seus filhos, as escolas que frequentam, onde vivem, se tem animais de guarda, qual o seu automóvel, quais as suas rotinas... Se tivermos consciência de que existem inúmeras redes de pedófilia que actuam essencialmente online, é fácil perceber a gravidade desta informação poder ir parar às pessoas erradas.

Tinha conhecimento deste facto? Se o desconhecia, provavelmente estará assustado, mas tudo dependerá das fotos que costuma tirar e daquilo que habitualmente publica. O seguinte vídeo ilustra da melhor forma os perigos de que falamos:

youtube.com/watch?v=VD3zB7UeLCE

Por esta altura provavelmente estará a pensar de que modo pode confirmar se isto actualmente o afecta. Em primeiro lugar, deverá confirmar se os seus dispositivos têm funcionalidades de geo-localização e se estão actualmente activadas. No manual de instruções de cada dispositivo, ou nos websites dos respectivos fabricantes, encontrará toda a informação sobre as funcionalidades incluídas e como as configurar. No entanto, como os dispositivos móveis que nos acompanham diariamente acabam por ser os mais utilizados neste contexto, partilhamos consigo os passos necessários para aceder e configurar as funcionalidades de geo-localização nos mais populares sistemas operativos móveis:

Google Android

  1. Inicie a aplicação "Câmara"
  2. Aceda ao botão das configurações
  3. Desloque-se pela lista de opções até encontrar a opção "Etiqueta GPS"
  4. Active ou desactive, conforme pretenda

NOTA: Dependendo da versão Android e do fabricante do dispositivo, esta opção poderá ter outra designação, fazendo alusão no entanto à possibilidade de guardar informação sobre a localização, mas o processo é essencialmente o mesmo.

 

iOS (iPhone, iPad, iPod)

  1. Aceda a "Configurações"
  2. Selecione "Geral"
  3. Seleccione "Serviços de localização"
  4. Procure a aplicação "Câmara"
  5. Active ou desactive os serviços em geral, na aplicação da Câmara ou noutras aplicações, conforme pretenda

BlackBerry

  1. Aceda à aplicação "Câmara"
  2. Seleccione o ícone referente à "Localização" como Activo ou Inactivo, conforme pretenda


NOTA: Em versões mais antigas, aceda pelo Menu às opções para alterar as configurações. Em ambientes empresariais, a geo-localicação pode ser desactivada através do BlackBerry Enterprise Server, que permite ao administrador aplicar a mesma configução em todos os dispositivos BlackBerry geridos pela empresa.

Windows Phone

  1. Aceda às "Definições"
  2. Navegue entre as Aplicações
  3. Aceda a "Fotos + Câmera"
  4. Active ou desactive a opção “Manter informações de localização nas fotos carregadas", conforme pretenda

Nokia Symbian

  1. Aceda à aplicação "Câmara"
  2. Seleccione "Opções"
  3. Seleccione "Definições"
  4. Seleccione "Mostrar informações GPS"
  5. Active ou desactive, conforme pretenda


Paralelamente, é importante ter em conta que várias aplicações têm funcionalidades próprias de captura e partilha de imagens incluíndo capacidades de geo-localização, como o popular Instagram ou a própria aplicação oficial do Facebook. Como tal, recomendamos que consulte todas as opções de configuração disponíveis, em particular as que estiverem relacionadas com a captura de imagens e/ou a partilha de conteúdos, antes de começar a utilizar qualquer aplicação nova.

Agora que já sabe como activar e desactivar as funcionalidades de geolocalização no(s) seu(s) dispositivo(s), é altura de verificar a informação geográfica eventualmente registada nas suas fotografias, quer se encontrem online ou apenas no seu computador. Para tal, sugerimos algumas ferramentas específicas para o efeito:

  1. Jeffrey's EXIF Viewer (não necessita de instalação)
  2. Geotag Security
  3. Exif Delete
  4. Exif Tag Remover


O próximo passo depende de si. Se a sua opinião é (ou passou a ser) que o melhor é prevenir-se relativamente aos detalhes que fornece sobre a sua vida privada, agora sabe como deverá agir para reduzir os seus riscos.

Se tiver interesse em saber ainda mais sobre o tema, sugerimos a consulta dos seguintes conteúdos online:

  1. http://en.wikipedia.org/wiki/Geotagging
  2. http://www.wikihow.com/Avoid-the-Potential-Risks-of-Geotagging
  3. http://www.myfoxphilly.com/story/21844841/dangers-of-geotagging-apps
  4. http://keepyourfamilysafeonline.com/geotag/
  5. http://voices.yahoo.com/video/how-disable-mobile-geotagging-8094196.html?cat=15
  6. http://pt.wikipedia.org/wiki/Privacidade_digital#Geolocaliza.C3.A7.C3.A3o_e_privacidade
  7. http://www.army.mil/article/55381/
  8. http://www.army.mil/article/51268/


Mantenha-se a par de outros artigos sobre segurança da Sophos seguindo-os no Facebook, Twitter e LinkedIn.

Classifique este item
(0 votos)
Ler 1605 vezes Modificado em Ago. 15, 2013

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top