Notícias - Wintech

Um estudo recente promovido pela Europ Assistance em nove países procurou avaliar o comportamento dos consumidores em relação à cibersegurança. A pesquisa revela que os níveis de preocupação são elevados, mas as questões de proteção são muitas vezes negligenciadas. Menos de um terço dos entrevistados tem o hábito de alterar passwords e/ou credenciais digitais com frequência e metade dos consumidores não tem proteção antivírus e anti-malware nos seus smartphones (50%) e/ou tablets (48%) – um comportamento preocupante se se tiver em consideração que estes representam metade do tráfego mundial de internet.

As vulnerabilidades de zero-day são falhas desconhecidos no software que podem ser exploradas por hackers para entrar no dispositivo e na rede da vítima em questão. O novo exploit usa uma vulnerabilidade no subsistema gráfico do Microsoft Windows para conseguir adquirir privilégios locais e obter controlo total do computador invadido. A amostra de malware examinada pelos investigadores da Kaspersky Lab mostra que o exploit interfere com as versões do sistema operacional do Windows 8 ao Windows 10.

Nos últimos anos, o conceito de autenticação em dois estágios (2FA) implementou-se de forma massiva, contudo ainda há muito por fazer em vários sectores, inclusive no financeiro. No passado mês de janeiro de 2019, o Metro Bank do Reino Unido confirmou à Motherboard web que alguns dos seus clientes sofreram, recentemente, este tipo de fraude online. Isto não é algo novo, já que em 2017, o jornal alemão Süddeutsche Zeitung informou que os bancos alemães se tinham deparado com o mesmo problema. No entanto, também há boas notícias. Como referido pelo próprio Metro Bank, muito poucos clientes tiveram que se deparar com um problema de segurança deste tipo “e nenhum perdeu dinheiro”.

A Check Point® Software Technologies Ltd., fornecedor global líder em soluções de cibersegurança, publicou o seu Índice de Impacto Global de Ameaças referente ao mês de fevereiro de 2019. O índice revela que o Coinhive liderou, uma vez mais, o Índice de Impacto Global de Ameaças, pelo 15º mês consecutivo, apesar do anúncio da sua atividade poder vir a ser desativada a partir do dia 8 de março de 2019.

A equipa de investigação da Check Point também descobriu uma série de campanhas generalizadas que distribuíam o ransomware GandCrab. Entre os vários países que tinham como alvo destacam-se o Japão, a Alemanha, o Canadá e a Austrália. Estas operações começaram a surgir ao longo dos últimos dois meses, e a equipa de investigação da Check Point detetou uma nova versão do ransomware, que estava a ser distribuído numa das últimas campanhas. A nova versão do Gandcrab V5.2 inclui a maioria das características da sua versão anterior, mas conta com uma mudança no método de encriptação, que faz com que a ferramenta de desencriptação das últimas versões do ransomware, não funcionem.

A Sophos , líder mundial de segurança para proteção de redes e endpoits, realiza no Porto esta quinta feira o Sophos Day 2019, na Casa da Música. O evento junta reconhecidos nomes em cibersegurança que terão oportunidade de partilhar casos reais, analisar as últimas tendências de ciberameaças e identificar, junto de parceiros do setor, as chaves para sincronizar tecnologias e assegurar a melhor coordenação face a ataques de última geração.

A IV Edição do Secthon, o único desafio de cibersegurança para estudantes universitários em Portugal, organizado pela Multicert, realiza-se em Lisboa, na Câmara de Comércio, no dia 15 de março, entre as 9h e as 18.45.

O objetivo do evento é promover incentivar o white hacking ou ethical hacking: ou seja, formar hackers “do bem”, cujo conhecimento esteja ao serviço da defesa das comunidades, empresas, serviços e indivíduos.

A Microsoft anunciou hoje, via Windows Blog, a disponibilização do Windows 10 Build 18353 (19H1) no âmbito do Windows Insider Program, para todos os utilizadores cujos PCs se encontram registados em Fast Ring.

De acordo com o changelog, a Build 18353 inclui cerca de 10 novas correções de bugs, nomeadamente a resolução de um problema que impedia a atualização das time zone do Windows Sandbox com o host, a resolução de um problema que fazia com que as preferências regionais dos utilizadores fossem reiniciadas depois da instalação da atualização, a correção de um problema que fazia com que ocorressem bug checks ao fechar a tampa de dispositivos portáteis ou ao ligar/desligar monitores, a correção de um problema no memcpy que fazia com que determinados drivers levassem ao bloqueio do sistema, a correção de um problema que fazia com que múltiplos jogos na sua versão em chines não funcionassem, a ativação de múltiplas opções no Windows Sandbox, entre outros.

Pág. 5 de 3140

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top