A tecnologia tem vindo a alterar a dinâmica das nossas vidas. Hoje em dia, em nosso redor, o mundo torna-se cada vez mais digital e, acompanhando esta tendência, as pessoas começam a adaptar-se e a encontrar novas formas de trabalhar, de se divertir e de socializar.

Melhor do que ninguém, aqueles que já nasceram no século XXI, ensinam-nos que a Internet é um mundo vasto e através do qual é possível explorar possibilidades diversas, para preencher os dias e ter as conquistas desejadas.

O mundo dos millennials acontece online. Esta nova geração permite que a realidade e a ficção se encontrem em ecrãs de telemóvel, de tablet ou nos seus laptops. Com conhecimentos vastos sobre os melhores seriados e filmes; escolhendo as suas roupas e maquilhagem com base nas principais tendências das redes sociais; e mantendo-se sempre a par da atualidade mediática; estes jovens parecem adaptar-se com rapidez à igualmente célere evolução do mundo digital.

Evidentemente, quando falamos nos millenials, não falamos apenas do seu interesse pelas estruturas mais prazenteiras e de lazer. Estes jovens são também competentes na transformação dos meios digitais em oportunidades de negócio, fazendo com que redes sociais e sites se transformem em renovadas fontes de rendimento.

Hoje, olhamos para as principais atividade do millenials na Internet, para descobrirmos quais os motivos que levam esta geração a ancorar as suas experiências de vida no mundo online.

1. Trabalhar pela Internet


Muitos jovens desenvolvem a sua atividade profissional utilizando os meios tecnológicos e as oportunidades digitais para este fim.

Para ganhar dinheiro na internet, estes jovens utilizam vários métodos. Aproveitando oportunidades como o Dropshipping – que lhes permite conciliar a rotina diária com a criação de empresas e lojas online – os jovens abrem estruturas de e-commerce onde exploram a venda de produtos como roupas, acessórios ou maquilhagem. Também numa verdadeira sagração da moda, muitos jovens conseguem adquirir rendimentos mediante o seu uso das redes sociais. Cada vez mais, os millenials se transfiguram em influencers, youtubers, instagramers e facebookers. Das redes sociais retiram os seus públicos, que fomentam a aposta de várias marcas no seu trabalho, ajudando-os através de remunerações interessantes e de patrocínios diversos.

Mas estas não são as únicas formas como os jovens conseguem fazer dinheiro com a Internet. Estes jovens adquirem também competências ao nível da produção de conteúdos – nomeadamente mediáticos, de design, de produção de textos e de produção musical – utilizando estes conhecimentos para criar estruturas que lhes permitem viver o melhor de dois mundos, mesclando o meio digital e a obtenção de rendimentos.

2. Socializar na Internet


A Internet é, hoje, também muito importante para a socialização dos Millenials. Hoje, é possível e comum que se combinem os melhores planos pelos eventos do Facebook; que se comunique em grupos ou com amigos específicos através do Messenger, do Hangout ou do WhatsApp; e que se partilhem todas as experiências através do Instagram.

A ideia de que “se aconteceu, está na Internet” mostra bem como o mundo online é importante para os jovens e como a sua dinâmica passa pela comunicação e pela partilha de conteúdos do quotidiano nas redes digitais.

Hoje em dia, mesmo quando existe um maior isolamento, a comunicação existe através destas estruturas que vêm, também, alargar as fronteiras e permitir que se conheçam pessoas com os mesmos interesses ao redor do globo.

Esta nova tendência para conhecer mais pessoas e para comunicar de forma mais intensa e internacional tem contribuído grandemente para mudar o olhar dos jovens sobre o mundo.

3. Juntar-se a causas sociais


As notícias, hoje, circulam grandemente através dos novos mídia. Por isso mesmo, os millennials acabam por ser influenciados pelas problemáticas mais comuns neste tipo de rede.

Os problemas sociais, como a pobreza, a censura, os problemas ambientais ou a discriminação estão hoje na agenda destes jovens, que aproveitam os maiores conhecimentos sobre este tipo de questão para se juntarem a movimentos e causas sociais.

Embora sejam muitas vezes associados a posturas individualistas, a verdade é que os millennials são uma das gerações que mais se move para a resolução dos problemas, marcando reuniões, manifestações e lançando petições para travar alguns dos mais perigosos movimentos económicos, políticos e industriais.

De facto, os millennials não só se alimentam da informação que circula na Internet como utilizam também esta ferramenta na defesa dos seus valores e na tentativa de criar um mundo mais são e mais equitativo.

4. Aprender mais sobre as áreas de interesse


Munindo-se das aplicações certas para o efeito, os millennials também usam a tecnologia para ganhar novos conhecimentos sobre as suas áreas de interesse.

Através de vídeos educacionais ou de cursos em sistema de e-learning, estes jovens aproveitam a Internet também para se tornarem mais produtivos e ficarem a saber mais sobre os temas que mais lhes agradam.

 

Classifique este item
(0 votos)
Ler 305 vezes

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top