Última temporada de "Game of Thrones: Episódio 3" foi o principal alvo de ameaças cibernéticas - Wintech

A oitava e última temporada de Game of Thrones teve um pico de atividade cibercriminosa. De acordo com os investigadores da Kaspersky Lab, a estreia de cada episódio foi acompanhada de uma longa sequência de ataques direcionados a utilizadores que estavam a tentar descarregar o episódio recém-lançado, mas em vez disso, estavam a descarregar malware disfarçado por trás do nome do episódio.

Alguns episódios mostraram-se significativamente mais infetados do que outros, tendo o 3º episódio desencadeado o maior número de tentativas detetadas de atacar utilizadores, conseguindo realizar 3.000 ataques por dia no seu pico.

Os especialistas acreditam que o lançamento do episódio final atraia mais ataques por parte de hackers, já que os distribuidores de malware começam a oferecer aos possíveis telespectadores acesso a toda a temporada. 

No geral, depois de fazer o rastreio das atividades maliciosas associadas à oitava temporada, os investigadores da Kaspersky Lab descobriram que o número médio diário de ataques a utilizadores que envolvia malware disfarçado, num episódio de Game of Thrones, rondava os 300-400 utilizadores. Este número aumentou para cerca de 1.200, nos três a quatro dias após o lançamento de cada novo episódio: um aumento de três a quatro vezes mais na atividade maliciosa.

Outro vetor de ataque associado ao Game of Thrones são os sites de streaming que convidam os utilizadores a assistir gratuitamente aos episódios recém-lançados da série, mas que na verdade são projetados para extrair dados confidenciais dos utilizadores. Normalmente, o ícone do player online mostra uma cena da série e redireciona a vítima para uma página de registo, solicitando posteriormente detalhes do cartão bancário com o código CVC/CVV, alegando que é apenas para fins de validação. Os investigadores apontam as semelhanças entre este esquema e os recentes golpes em torno do último filme dos Vingadores.

Nós vemos TTPs partilhados (táticas, técnicas e procedimentos) nos sites de phishing, onde os hackers tentam roubar as informações dos utilizadores prometendo um filme pirata antes da sua estreia oficial. Acreditamos que existe um certo grupo de agentes de ameaça que meticulosamente caça fãs de filmes populares e produções de TV, ajustando esquemas de acordo com os acontecimentos pop-culturais”, afirma Tatyana Sidorina, investigadora de segurança da Kaspersky Lab.

Para evitar ser vítima destes ataques:

  • Evitar sites duvidosos, especialmente aqueles que distribuem conteúdos pirata.
  • Não inserir informações - especialmente dados do cartão de crédito - num site no qual não tenha motivos para confiar.
  • Não utilizar a mesma palavra-passe para diferentes sites. Utilizar um gestor de palavras-passe.
  • Utilizar um software de antivírus fidedigno com proteção contra esquemas online e phishing.

Mais informação sobre os esquemas de Game of Thrones em Kaspersky Daily.

Classifique este item
(0 votos)
Ler 138 vezes
Tagged em

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top