A Microsoft iniciou ontem, via Windows Update, a distribuição das atualizações cumulativas de agosto – KB4343909, KB4343897, KB4343885, KB4343887 eKB4343892 – para todo os utilizadores que possuem o Windows 10 V1803, V1709, V1703, V1607 e V1507 respetivamente.

De acordo com o change log disponibilizado na página “Windows 10 and Windows Server 2016 Update History”, estas atualizações inclui melhorias na performance do sistema operativo e introduzem as seguintes correções:

KB4343909 – Esta atualização fornece proteção contra uma vulnerabilidade (Execução Especulativa) conhecida como L1 Terminal Fault que afeta processadores Intel Core e Intel Xeon (CVE-2018-3620 e CVE-2018-3646), corrige um problema que causa uma utilização elevada de CPU que resulta numa degradação de performance em sistemas com processadores AMD (15h e 16h), após a instalação das atualizações de junho e julho ou da atualização do microcódigo para a vulnerabilidade Spectre Variant 2 (CVE-2017-5715 – Branch Target Injection), corrige um problema que faz com que determinadas aplicações executadas no HoloLens não se consigam autenticar depois de atualizarem do Windows 10 V1607 para o Windows 10 V1803, corrige um problema que fazia com que a duração da bateria reduzisse significativamente após a instalação da V1803, corrige um problema introduzido com a atualização de julho da Framework .NET que fazia com que as aplicações dependentes dos componentes COM não fossem carregados corretamente, assegura que o Internet Explorer e o Microsoft Edge suportem a tag preload=”none”, entre outros. Depois de instalada, a build do sistema operativo é atualizada para 17134.228.

Nota: Este KB inclui também atualizações para o Microsoft HoloLens Build 17134.228.

KB4343897 – Esta atualização fornece proteção contra uma vulnerabilidade (Execução Especulativa) conhecida como L1 Terminal Fault que afeta processadores Intel Core e Intel Xeon (CVE-2018-3620 e CVE-2018-3646), corrige um problema que causa uma utilização elevada de CPU que resulta numa degradação de performance em sistemas com processadores AMD (15h e 16h), após a instalação das atualizações de junho e julho ou da atualização do microcódigo para a vulnerabilidade Spectre Variant 2 (CVE-2017-5715 – Branch Target Injection), corrige um problema no Device Guard que faz com que determinadas classes ieframe.dll sejam bloqueadas após a instalação das atualizações de maio, corrige um problema que faz com seja mostrado “Azure AD” no ecrã de login como o domínio por omissão após a instalação das atualizações de julho, corrige um problema introduzido com a atualização de julho da Framework .NET que fazia com que as aplicações dependentes dos componentes COM não fossem carregados corretamente, assegura que o Internet Explorer e o Microsoft Edge suportem a tag preload=”none”, atualiza o suporte para a versão draft do Token Binding protocol v0.16, entre outros. Depois de instalada, a build do sistema operativo é atualizada para 16299.611.

KB4343885 – Esta atualização fornece proteção contra uma vulnerabilidade (Execução Especulativa) conhecida como L1 Terminal Fault que afeta processadores Intel Core e Intel Xeon (CVE-2018-3620 e CVE-2018-3646), corrige um problema que faz com o Internet Explorer pare de funcionar em determinados websites, corrige um problema no Device Guard que faz com que determinadas classes ieframe.dll sejam bloqueadas após a instalação das atualizações de maio, corrige uma vulnerabilidade associada à função Export-Modulemember(), corrige um problema introduzido com a atualização de julho da Framework .NET que fazia com que as aplicações dependentes dos componentes COM não fossem carregados corretamente, assegura que o Internet Explorer e o Microsoft Edge suportem a tag preload=”none”, atualiza o suporte para a versão draft do Token Binding protocol v0.16, introduz atualizações de segurança no Windows Server, entre outros. Depois de instalada, a build do sistema operativo é atualizada para 15063.1266.

Nota: Este KB inclui também atualizações para o Windows 10 Mobile Build 15063.1266.

KB4343887 – Esta atualização fornece proteção contra uma vulnerabilidade (Execução Especulativa) conhecida como L1 Terminal Fault que afeta processadores Intel Core e Intel Xeon (CVE-2018-3620 e CVE-2018-3646), corrige um problema que causa uma utilização elevada de CPU que resulta numa degradação de performance em sistemas com processadores AMD (15h e 16h), após a instalação das atualizações de junho e julho ou da atualização do microcódigo para a vulnerabilidade Spectre Variant 2 (CVE-2017-5715 – Branch Target Injection), corrige um problema no Device Guard que faz com que determinadas classes ieframe.dll sejam bloqueadas após a instalação das atualizações de maio, corrige um problema que faz com que o Internet Explorer deixe de funcionar em determinados websites, corrige uma vulnerabilidade associada à função Export-Modulemember(), corrige um problema introduzido com a atualização de julho da Framework .NET que fazia com que as aplicações dependentes dos componentes COM não fossem carregados corretamente, assegura que o Internet Explorer e o Microsoft Edge suportem a tag preload=”none”, introduz atualizações de segurança no Windows Server, entre outros. Depois de instalada, a build do Windows 10 é a atualizada para a 14393.2430.

KB4343892 –Esta atualização fornece proteção contra uma vulnerabilidade (Execução Especulativa) conhecida como L1 Terminal Fault que afeta processadores Intel Core e Intel Xeon (CVE-2018-3620 e CVE-2018-3646), corrige problemas adicionais na atualização dos fusos horários, corrige um problema que faz com que os utilizadores não consigam desbloquear o PC depois da password expirar, corrige um problema que faz com que dados desencriptados não sejam limpos da memoria depois da operação CAPI ser concluída, corrige uma vulnerabilidade associada à função Export-Modulemember(), corrige um problema introduzido com a atualização de julho da Framework .NET que fazia com que as aplicações dependentes dos componentes COM não fossem carregados corretamente, assegura que o Internet Explorer e o Microsoft Edge suportem a tag preload=”none”, introduz atualizações de segurança no Windows Server, entre outros. Depois de instalada, a build do Windows 10 é a atualizada para a 10240.17946.

Para além do Windows Update, os utilizadores poderão obter estas atualizações no Microsoft Update Catalog:

KB4343909 | KB4343897 | KB4343885 | KB4343887 | KB4343892 

Mais informações: Windows 10 Update History.

Para informações relacionadas com vulnerabilidades resolvidas, consulte o Security Bulletin

Classifique este item
(0 votos)
Ler 302 vezes Modificado em Ago. 15, 2018
Tagged em

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top