Com o início do Campeonato Mundial FIFA, muitos fãs andam à procura de sites de streaming onde podem acompanhar os jogos que estão a ter lugar na Rússia. A ESET, empresa especializada no desenvolvimento de soluções de segurança informática, realça a importância de se perceber quais os riscos de segurança a que estão expostos aqueles que não tomarem as precauções certas.

Alguns destes sites são ilegais, e muitos deles são usados por cibercriminosos para disseminar esquemas que vão além dos truques habituais espalhados por email para comprometer os dispositivos dos utilizadores.

Estes esquemas não incluem apenas a publicidade intrusiva comum à maior parte destes sites: estamos a falar de campanhas maliciosas desenhadas para se aproveitar dos muitos fãs de futebol que correm mais riscos do que o normal tal é o seu desejo de ver o Campeonato Mundial.

Aqui ficam listadas algumas das ameaças mais comuns com que estes utilizadores se podem deparar com uma simples pesquisa no Google:

Campanhas de engenharia social para furto de informação;

Código malicioso que corre nas páginas de visualização dos jogos;

Adware e publicidade intrusiva;

Mineração de criptomoedas nos sites de streaming.

Pode saber mais sobre cada uma destas ameaças aqui.

 

Classifique este item
(0 votos)
Ler 249 vezes

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top