Num total de 104 mil testes realizados no último semestre de 2017 nos medidores de velocidade da nPerf, referência dos cibernautas nacionais neste âmbito, comprova-se que os consumidores portugueses usufruem de internet com uma velocidade média de download de 55 Mbps.

Os resultados deste barómetro divulgado pela nPerf ressaltam ainda uma grande disparidade na performance das operadoras ao nível da velocidade de upload, cuja média nacional é de 29 Mbps.

No período da noite, existe uma quebra generalizada na qualidade do serviço que afeta de forma transversal os clientes de todas as operadoras.

Velocidade de download: Vodafone com melhor performance

Neste barómetro da conexão à internet relativo ao segundo semestre de 2017 - do qual se excluíram as ligações empresariais e as ligações móveis (2G, 3G, 4G) -, comprova-se que a Vodafone, com uma média de velocidade de download de 63,44 Mbps, se destacou face aos restantes players do mercado. A NOS apresenta a velocidade média de download mais baixa, 47,78 Mbps, performance influenciada pelo elevado número de ligações ADSL que esta operadora ainda disponibiliza aos seus clientes que não dispõem de acesso à fibra ótica.

 

Velocidade de upload: mercado com elevadas disparidades

É no que respeita à velocidade de upload, cuja média em Portugal se fixou em 29 Mbps, que se verificam as maiores disparidades entre as quatro operadoras. Enquanto a Vodafone ofereceu aos seus clientes uma média de 45,55Mbps ao nível do upload, a Nowo ofereceu apenas 8,44 Mbps e a NOS 11,03 Mbps.

 

 

Sobrecarga da rede faz-se sentir no período da noite

De acordo com os resultados dos mais de 104 mil testes realizados nos medidores da nPerf é possível verificar que todas as operadoras apresentam uma redução da velocidade ao final do dia, facto especialmente evidente no período entre as 17h e as 22h.

Método de testes

O teste de velocidade nPerf mede a capacidade máxima da conexão de dados em termos de velocidades e latência. Para tal, o medidor estabelece algumas ligações simultâneas para saturar a largura de banda de forma a fazer a sua medição com alta precisão.

As medições de velocidade refletem, assim, as capacidades máximas da conexão de dados, podendo não ser representativas da experiência do utilizador durante a navegação na Internet no dia-a-dia.

Apesar de a velocidade medida poder ser impactada pela qualidade da rede local do utilizador, a fiabilidade da comparação não é alterada visto ser algo transversal a todas as operadoras do mercado.

Para garantir uma largura de banda máxima em todos os momentos, a nPerf assenta a sua atividade numa rede de servidores dedicados a esta função, os quais estão localizados em centros de hosting em Portugal ou no estrangeiro. A nPerf conta com servidores dedicados diretamente aos operadores portugueses, instalados na NOS e na Nowo, de forma a maximizar o rigor e exatidão das medições.

A largura de banda total disponível em Portugal é superior a 10 Gbps.

Para aceder aos resultados do estudo na íntegra, clicar aqui.

Classifique este item
(0 votos)
Ler 615 vezes Modificado em Fev. 11, 2018
Tagged em

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top