O Modelo3 (www.Modelo3.pt), a plataforma online criada para facilitar a relação dos contribuintes com o fisco, concretamente com a declaração IRS, passa a partir do próximo dia 1 de maio a estar disponível para a entrega das declarações dos trabalhadores independentes. Esta plataforma que arrancou no ano passado conta atualmente com 44.000 utilizadores registados este ano, tendo o ano passado otimizado cerca de 200.000 Euros nas declarações de IRS dos contribuintes portugueses.


Os trabalhadores independentes são um dos grupos de contribuintes que mais proveito podem tirar deste portal, dada a maior complexidade da sua declaração de IRS e, consequentemente, o maior número de items passíveis para maximização do reembolso. O ano passado a média de maximização do reembolso da segunda fase do IRS foi de 295 Euros por utilizador do Modelo3.

Como Funciona?


Após o registo no Modelo3, a primeira coisa em que vai reparar é que o carregamento é imediato. Ao contrário do Portal das Finanças não precisa de instalar nada no seu computador para começar a usar o Modelo3 imediatamente, basta aceder à plataforma em www.modelo3.pt.


Para preencher a declaração, não tem que saber preencher nenhum formulário do IRS, basta indicar os seus rendimentos e despesas. O resultado final é 100% compatível com as declarações electrónicas do Portal das Finanças.


Durante o preenchimento o Modelo3 adapta-se à  declaração,  indicando automaticamente o resultado da simulação, limites de benefícios fiscais por atingir e sugestões de poupança.


Sempre que o sistema de inteligência artificial deteta que é possível uma otimização da declaração, a situação é exposta ao contribuinte sendo indicado o valor da otimização possível.


Para garantir que de facto o  contribuinte tem o melhor resultado, atualizado em menos de um segundo em cada alteração, são efetuadas ainda centenas de simulações simultaneamente, algo que só é possível com recurso às últimas evoluções tecnológicas.


A qualquer altura, a declaração pode ser entregue pelo Modelo3 ao Portal das Finanças, caso o cliente dê ordem para tal, de modo a que receba o reembolso o mais rapidamente possível.


Relativamente à proteção e confidencialidade dos dados dos clientes, cada ligação ao Modelo3 está protegida por SSL de 128bits e os servidores têm o mesmo nível de segurança físico utilizado pelos bancos, pelo que é uma questão de alta prioridade no Modelo3.


CARACTERISTICAS DO MODELO3.PT


Fácil.
Para preencher a sua declaração não precisa de entender nada de IRS! Em Português claro;

  • Não tem de fazer contas;
  • Sem erros de preenchimento;
  • Resultados instantâneos;
  • Entrega da declaração via Modelo3;
  • 100% Compatível com as Finanças;


Inteligente.
Modelo3 adapta-se instantaneamente à declaração e deteta oportunidades para não desperdiçar dinheiro.

  • Simulações automáticas;
  • Otimizações fiscais;
  • Benefícios fiscais à lupa;
  • Sugestões de poupança;
  • Aconselhamento personalizado;
  • Sempre atualizado;


Confidencial.
O Modelo3 está protegido pela mais moderna tecnologia de segurança e proteção de dados.


Precário

- A simulação da declaração no Modelo3 é gratuita;

- Submeter a declaração ao portal das Finanças e toda a ajuda inerente de como aumentar o reembolso tem um custo de 14,99 euros, este serviço incluí: 

- Otimizações automáticas do reembolso;
- Entrega da declaração via internet;
- Alertas e aconselhamento automatizados ao longo do ano;


Segundo Celso Pinto, responsável pelo desenvolvimento deste serviço: «O ano passado comprovamos que os trabalhadores independentes são o grupo de profissionais com mais necessidade de apoio na entrega da sua declaração de IRS para quem o Modelo3 é de fato uma solução atrativa. É também nestes casos que por existir maior potencial de maximização, dada a maior complexidade da sua atividade profissional».


O Modelo3 é uma plataforma online desenvolvida por uma start up portuguesa e foi desenhada a pensar no contribuinte, em duas perspetivas: facilitar a declaração e poupar nos impostos. O seu preenchimento é simples e intuitivo, informando e alertando o utilizador sobre as deduções, os abates e os benefícios fiscais que se enquadram na sua situação fiscal para que pague um valor de imposto justo, de acordo com a lei. Assegura de igual modo que a declaração é preenchida corretamente sem erros ou omissões, evitando que o contribuinte faça falsas declarações de forma involuntária.


Esta inovadora plataforma terá o máximo potencial a partir do 1 de maio, dia em que se inicia a segunda fase para entrega da declaração do IRS via Internet para trabalhadores independentes, pois é 100% compatível com o Portal das Finanças, permitindo que se faça a declaração apenas uma vez, e totalmente otimizada no que respeita a reembolso do IRS.  

Classifique este item
(0 votos)
Ler 1786 vezes Modificado em Abr. 30, 2013
Top