Gilson Perdigão, delegado titular da Delegacia de Repressão ao Crime de Internet (DRCI) do Rio de Janeiro, revelou hoje, e pela primeira vez, os valores envolvidos numa fraude online que burlou há uma semana a atriz Glória Pires. Segundo o delegado judicial, a atriz foi burlada em 13 mil reais, ou seja, mais de 4900 euros.

Os hackers enviaram um e-mail à atriz fazendo-se passar por um amigo, dizendo eu estaria em apuros e que este se encontrava fora do país. A atriz, confiando no e-mail do amigo, decidiu ajudá-lo e efetuou dois depósitos: um de 970 libras esterlinas e ou outro de 3250 libras.


De acordo com a informação divulgada por Gilson Perdigão, os hackers não direcionaram o seu e-mail especificamente para o endereço de Glória Pires, tendo sim apontado para uma série de contactos da vitima, sendo que apenas a atriz foi afetada, visto que os outros contactos acabaram por ignorar o falso pedido de ajuda.

Glória Pires viria a descobrir posteriormente que o seu amigo afinal tinha sido alvo de um hack e que a sua conta de e-mail tinha sido usado por outro.

A polícia do Rio de Janeiro já identificou o ISP de onde o hacker terá enviado os e-mails, aguardando apenas a autorização da Justiça para conseguir obter o endereço IP do responsável. As autoridades locais tentam ainda perceber para onde foi enviado o dinheiro da atriz.

Classifique este item
(0 votos)
Ler 1631 vezes Modificado em Abr. 25, 2013
Top