segunda-feira, 15 abril 2024 14:51

Kaspersky descobre variante do DinodasRAT para Linux

A Kaspersky descobriu uma nova variante da backdoor DinodasRAT, que tem como objetivo atacar o sistema operativo Linux e que compromete ativamente inúmeras organizações na China, Taiwan, Turquia e Uzbequistão desde outubro de 2023. Esta variante permite que os cibercriminosos monitorizem e controlem secretamente os sistemas comprometidos, destacando que mesmo a reconhecida segurança do Linux não é imune a ameaças.

A percentagem de dispositivos empresariais comprometidos com malware data-stealing aumentou um terço desde 2020, de acordo com a Kaspersky Digital Footprint Intelligence. Aproximadamente 21% dos profissionais, cujos dispositivos foram infetados, executaram o malware ofensivo repetidamente. A equipa da Kaspersky Digital Footprint Intelligence está a aumentar a sensibilização para o problema e a oferecer estratégias para mitigar os riscos associados, em resposta à ameaça crescente de infostealers que visam utilizadores empresariais.

A equipa do ICS CERT da Kaspersky realizou uma análise às tendências de cibersegurança no campo da Tecnologia Operacional (TO) durante o segundo semestre de 2023. O relatório oferece uma visão completa sobre os cenários de ameaças em evolução a nível regional e global, bem como em setores específicos. Portugal ocupa o 6º lugar, numa lista de quinze países, onde mais computadores ICS bloquearam documentos maliciosos (5,9%).

O feriado da Páscoa coincide com o recente anúncio do Airbnb de proibir câmaras de segurança para monitorizar espaços internos das acomodações turísticas. Os proprietários geralmente instalam câmaras em caso de roubo ou danos à propriedade, embora também existam aqueles que utilizam para espiar os hóspedes, com fins maliciosos. Para tranquilizar as pessoas que procuram viajar – seja nesta Semana Santa ou em qualquer outra data –, a Kaspersky preparou algumas dicas para ajudar a detetar câmaras escondidas em alojamentos.

Mais de 70% das empresas pagam mais de 100 mil dólares anuais em formação adicional para manter atualizadas as competências dos seus colaboradores em cibersegurança, revela um estudo recente da Kaspersky. No entanto, as empresas inquiridas também destacaram a falta de cursos relevantes nas ofertas educativas e afirmaram que a formação nem sempre lhes traz o resultado esperado.

No recente estudo da Kaspersky, "The portrait of the modern Information Security professional", abordou-se o tópico da escassez global de profissionais de cibersegurança, analisando as razões exatas pelas quais as empresas carecem de especialistas e identificando as formas como avaliam e melhoram as suas competências.

Surgiram três novas variantes perigosas de malware para Android que foram analisadas pelos investigadores da Kaspersky. Os programas Tambir, Dwphon e Gigabud apresentam diversas características, que vão desde o download de outros programas e roubo de credenciais até ao contorno da autenticação de dois fatores (2FA) e gravação de ecrã, pondo em risco a privacidade e segurança do utilizador.

O Tambir é um spyware que visa atacar os utilizadores que residem na Turquia. Disfarçado de uma aplicação de IPTV, o Tambir recolhe informações sensíveis do utilizador, como mensagens SMS e keystrokes, depois de obter as permissões apropriadas. O malware suporta mais de 30 comandos recuperados do seu servidor de Comando e Controlo (C2) e foi comparado ao malware GodFather, que está entre o TOP 3 do malware móvel na região, devido às suas semelhanças na localização do alvo e à utilização do Telegram para comunicação C2.

Alfonso Ramirez passa a liderar o mercado europeu da Kaspersky. Com mais de 20 anos de experiência na definição de estratégias de desenvolvimento e na promoção do crescimento empresarial no setor das TI, Ramirez encontra-se preparado para desenvolver ainda mais a posição da Kaspersky como líder de mercado em soluções de cibersegurança.

A Kaspersky anuncia a nomeação de Alfonso Ramirez como o novo Diretor Geral para a Europa. Na sua nova função, Ramirez irá liderar o desenvolvimento e a execução das estratégias empresariais e de consumo da Kaspersky na região da Europa, onde, tendo em conta a rede consolidada de distribuição e de parceiros da Kaspersky, tem como objetivo capitalizar o seu crescimento e as oportunidades de investimento para todos os segmentos estratégicos, concentrando-se particularmente na cibersegurança das empresas e PMEs. Isto inclui a cibersegurança industrial, bem como as soluções inovadoras de segurança para os consumidores.

terça-feira, 12 março 2024 12:21

Aumento de 40% nos ataques de phishing em 2023

O sistema anti phishing da Kaspersky frustrou mais de 709 milhões de tentativas de acesso a sites de phishing e de burla em 2023, o que representa um aumento de 40% dos ataques em comparação aos números de 2022. As aplicações de mensagens, as plataformas de inteligência artificial, os serviços de redes sociais e as trocas de criptomoedas estavam entre as vias mais exploradas pelos cibercriminosos para enganar os utilizadores.

A 96ª edição dos Prémios da Academia, que distinguiu os melhores filmes de 2023, teve lugar no Dolby Theatre, em Hollywood, a 10 de março. Oppenheimer, de Cristopher Nolan, foi o grande vencedor da edição dos Óscares de 2024. O realizador norte-americano conseguiu arrecadar as estatuetas de Melhor Filme e Melhor Realizador.

O filme de Christopher Nolan, que também ganhou o Óscar de Melhor Realização, competia, para Melhor Filme, com “American Fiction”, “Anatomia de uma queda”, “Barbie”, “Os excluídos”, “Assassinos da lua das flores”, “Maestro”, “Vidas passadas”, “Pobres criaturas” e “Zona de interesse”.

Os especialistas da Kaspersky Digital Footprint Intelligence depararam-se com uma quantidade surpreendente de credenciais de início de sessão roubadas, enquanto realizavam uma análise no seguimento do Mobile World Congress 2024. Ao investigarem o mercado da dark web, os especialistas em cibersegurança descobriram que, nos últimos três anos, 34 000 000 milhões de credenciais de acesso de utilizadores do Roblox foram comprometidas e divulgadas na dark web. Em 2023, o número de credenciais de utilizadores roubadas do OpenAI aumentou em 33 vezes, em comparação com o ano anterior, registando a publicação de 664.000 mil credenciais na dark web, incluindo as do ChatGPT. Descobriram, também, que as credenciais em questão foram roubadas, através da utilização do infostealer, um malware concebido para adquirir indevidamente as credenciais dos utilizadores, que infeta dispositivos pessoais e empresariais através de phishing e outros métodos.

Pág. 1 de 28
Top