A Visa, desde o início da crise da Covid-19, demonstrou o compromisso em apoiar as pequenas e médias empresas a ultrapassarem um período marcadamente desafiante. Para esse efeito, a Visa tem trabalhado em estreita colaboração com PMEs em toda a Europa para as ajudar a desenvolver capacidades digitais, melhorar as plataformas de comércio eletrónico ou aceitar pagamentos digitais. Até ao momento, mais de dois milhões de pequenas e médias empresas em toda a Europa já beneficiaram deste apoio desde o lançamento do programa no verão de 2020. Este número representa um marco importante na meta definida pela Visa de ajudar oito milhões de PMEs na Europa, e cinquenta milhões em todo o mundo, a lançarem-se online, adaptar e expandir os seus negócios.

O comércio eletrónico afirmou-se durante a pandemia como o canal favorito dos consumidores para continuarem a fazer compras, o que criou uma oportunidade única para as PMEs construírem ou expandirem a sua presença online. A realidade é que grande parte delas não estava preparada para enfrentar uma mudança tão severa num tão curto espaço de tempo e daí a necessidade de fornecer as ferramentas e estratégias adequadas para o efeito. Um estudo realizado pela GfK para a Visa revelou que os consumidores portugueses abraçaram definitivamente as novas formas de realizar compras, com 44% dos entrevistados a admitir que começaram ou aumentaram as compras online quando foi declarado o período de confinamento.

Um pouco por toda a Europa, a Covid-19 continua a ter um impacto severo na atividade das pequenas e médias empresas. Um recente estudo realizado pela Visa revelou que 65% das PMEs europeias estão preocupadas com o futuro dos seus negócios. Porque muitas destas empresas estão ainda a sob restrições e bloqueios, as PMEs europeias estão a adotar o comércio digital e os pagamentos digitais, numa altura em que 22% admitem ter tido dificuldades em manter a empresa a funcionar desde o inicio da pandemia.

Desde a altura em que anunciou a meta de apoiar oito milhões de pequenas empresas em toda a Europa na transformação digital, a Visa tem vindo a unir forças com bancos, governos, plataformas de comércio eletrónico e parceiros tecnológicos para capacitar digitalmente as pequenas e médias empresas.

Roble Dorronsoro, Diretora de Merchant Sales & Acquiring da Visa para o Sul da Europa, afirma que “as PMEs são o motor da economia e reconhecemos que muitas delas têm trabalhado incansavelmente para continuarem a operar numa altura tão desafiante. Queremos ajudá-los a superar este período difícil e é por isso que lhes queremos dar as ferramentas necessárias para lançar ou melhorar os seus negócios online, já que entendemos que este canal será cada vez mais uma fonte de receita para as empresas em todo o mundo.

Estamos também orgulhosos que mais de dois milhões de pequenas e medias empresas já tenham tido a oportunidade de beneficiar das iniciativas dos nossos parceiros e continuamos comprometidos em ser parte ativa na retoma económica que permitirá às PMEs manterem a sua relevância."

Hoje, a Visa anunciou ainda que já mais de 100 parceiros em toda a Europa aderiram à iniciativa Where You Shop Matters para ajudar empresários das PMEs a ganharem capacidades digitais.

Numa altura em que muitas economias Europeias entraram em 2021 ainda com fortes restrições, a Visa tem apelado à sua rede e parceiros que se juntem a este tipo de iniciativas destinadas a apoiar as pequenas e médias empresas no processo de digitalização, crucial para a recuperação económica.

 

[1] GfK / Visa: COVID-19, Impact on consumers payments behaviors (Setembro 2020)

[2] Visa European SME Research (Dezembro 2020)

[3] Visa European SME Research (Dezembro 2020)

Classifique este item
(0 votos)
Ler 223 vezes
Tagged em

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Apoiamos

Gled Agra X Streamer @ Facebook

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top