Num incidente já confirmado pela própria empresa, na madrugada do passado dia 27 de novembro aconteceu um ciberataque possivelmente causado por uma APT (Ameaça Persistente Avançada) com implantação de ransomware que afetou a empresa de segurança Prosegur, em Portugal e Espanha.

Check Point® Software Technologies Ltd., fornecedor líder especializado em cibersegurança a nivel mundial, alerta para a rápida transformação do ransomware, a que se tem assistido nos últimos anos. Antes, os cibercriminosos enviavam e-mails de phishing para milhares de endereços, agora o seu trabalho foca-se na melhoria da arquitetura do malware, com o objetivo de aumentar o grau de precisão e as técnias que permitem aceder aos botnets.

A INFINIDAT, fabricante independente líder em soluções de armazenamento empresarial multi-petabyte, identifica os três desafios críticos que, na ótica dos seus especialistas, as empresas devem ter em conta para evitar a perda de dados devido a ataques de ransomware e para cumprir as estritas regulações que o Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) estabelece.

A notícia está a ser avançada por vários órgãos de comunicação social e indicam que os hospitais da CUF estão a ser alvo de um ataque informático desde sexta-feira.

De acordo com o jornal Correio da Manhã, existem mesmo suspeitas de que tenha sido feito um pedido de resgate, no entanto esta informação não está ainda confirmada.

De acordo com a Check Point® Software Technologies Ltd., em 2018 os cibercriminosos estão a usar cada vez mais o ransomware para dispositivos móveis. O recurso a este tipo de ataque, que sequestra o terminal da sua vítima, também cresceu de forma exponencial em computadores. Não é, portanto, de estranhar que também se tenham popularizado as suas variantes para smartphones e tablets.

Um grupo de investigadores ligado à segurança informática da empresa MalwareHunterTeam revelaram terem descoberto uma nova ameaça chamada PUBG Ransomware.

Este ransomware tem, contudo, uma característica e que contraria o que normalmente acontece com estes esquemas maliciosos: desbloqueia os ficheiros caso o proprietário do sistema jogue PlayerUnknown’s Battlegrounds.

Desde o início de 2018, o modelo de Ransomware-as-a-Service tem vindo a registar um boom. Um dos seus maiores exponentes é o GandCrab, que, em apenas dois meses, conseguiu infetar mais de 50.000 computadores, sobretudo nos Estados Unidos, Reino Unido e Escandinávia, e com o qual os cibercriminosos já ganharam mais de 600 mil dólares em receitas.

Os investigadores da Check Point® Software Technologies Ltd., o maior fabricante mundial especializado em cibersegurança, estudaram este malware para mostrar como está a evoluir o ransomware de quinta geração.

Durante os primeiros seis meses do ano, os produtos da Kaspersky Lab bloquearam tentativas de ataque em 37.6% de várias dezenas de milhares de computadores ICS, protegendo-os na sua totalidade. Este número quase não sofreu alterações em comparação com o semestre anterior – é apenas 1.6 pontos percentuais menor que o segundo semestre de 2016. A maioria dos ataques ocorreu em empresas de produção de materiais, equipamentos e bens. Outras indústrias mais afetadas incluem a engenharia, educação e alimentar. Computadores ICS de empresas energéticas representam quase 5% de todos os ataques.

A Check Point® Software Technologies Ltd., o maior fabricante mundial especializado em segurança, descobriu um novo ransomware, chamado JAFF, que é enviado através da botnet Necurs.

 

Necurs é um dos distribuidores de malware mais eficazes de toda a rede. No passado, foi o responsável pela infeção de milhões de equipamentos com o ransomware Locky e o Trojan bancário Dridex. Durante os primeiros dias de atividade do JAFF, foram enviados mais de 10.000 emails corruptos por hora.

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico. Saiba mais.

Wintech TV

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top