Nos primeiros meses de 2017, foi apresentada pela Lenovo uma nova marca, Legion, que surge com produtos inovadores criados para oferecer uma experiência imersiva conduzida pela paixão por jogos de computador.  

Entre os vários produtos Legion, encontramos a série de notebooks Y520 que, apesar de ser a mais "modesta" das três que foram lançados no mercado pela Lenovo, oferece um conjunto de recursos bem capazes de satisfazer as exigências dos jogadores regulares e mais entusiastas.


A Wintech teve a oportunidade de testar e analisar um dos modelos da série Legion Y520 da Lenovo, o Y520-15IKBN-255, e ao longo das próximas linhas vamos dar a conhecer a nossa opinião sobre esta máquina.

Mas antes de seguirmos com a análise, vamos conhecer as especificações técnicas deste Lenovo Legion Y520-15IKBN-255:
• Sistema Operativo: Windows 10 Home
• Processador: Intel Core i7-7700HQ @ 2.80Ghz (Quad-Core; 6 MB Cache; até 3.80GHz)
• Memória RAM: 8GB (DDR4 2133 MHz)
• Armazenamento: 256 GB PCIe SSD
• Placa Gráfica: Nvidia GeForce GTX 1050 Ti com 4GB GDDR5
• Ecrã: 15.6" Full HD (1920 x 1080)
• Áudio: Altifalantes certificados Harman de 2x2W com Dolby Audio Premium
• Rede: LAN 100/1000 Mbps; 1 x 1 WiFi 802.11 a/c; Bluetooth 4.1
• Webcam: Intel 3D RealSense Camera
• Portas: 2 x USB 3.0, 1 x USB 2.0, 1 x HDMI, 1 x Ethernet (RJ-45), 1 x audio combo jack , leitor de cartões 4 em 1 (SD, SDHC, SDXC, MMC)
• Bateria: 3 células 45 WHr (até 4 horas de autonomia)
• Dimensões:  380 x 265 x 25.8 milímetros
• Peso: 2.4 kg
• Software pré-instalado: Microsoft Office 2013 (Avaliação de 30 dias), Lenovo Companion, Lenovo Nerve Sense, Magic Y Key, Lenovo OneKey Recovery, Lenovo ID

 

Design

 

Mantendo os diferentes ângulos e revestimentos utilizados pela Lenovo na anterior série de notebooks para gaming, o Legion Y520 surge com um aspeto mais leve e informal, marcado por uma moldura de ecrã com novas linhas e um desnível ao longo do teclado e touchpad.

O revestimento em plástico exterior deste portátil surge com um acabamento a imitar fibra de carbono, enquanto que no interior temos uma superfície lisa, o teclado retroiluminado a vermelho, com dois níveis de iluminação e com as teclas WASD que se distinguem das restantes, e o touchpad contornado por uma linha vermelha.  

As grelhas de ventilação e das colunas de som, que eram vermelhas na série anterior, são agora totalmente pretas. Neste aspeto o portátil fica mais "vulgar", mas faz com que o nosso foco recaia sobre a área de ação, os seja, sobre os vermelhos do teclado e do touchpad, e no logótipo Legion Y colocado no canto direito.

O Legion Y520 apresenta-se mais fino e mais leve do que o seu antecessor. Os 2.4 kg ajustam-se perfeitamente a um portátil que pode vir a ser transportado para vários eventos de gaming, isto sem comprometer a estabilidade necessária para suportar algumas sessões de jogo mais intensas.

Quanto a ligações, Legion Y520 coloca à nossa disposição três portas USB (2x USB 3.0, 1x USB 2.0), uma saída de vídeo HDMI, uma porta RJ-45 para ligar um cabo de rede, uma ligação de áudio para auscultadores e micro (combinada) e um leitor de cartões de memória.

 

Desempenho e Experiência de utilização

 

Como referimos na introdução, o Y520 é a opção mais "modesta" entre os novos portáteis Lenovo Legion. Mesmo assim, toda a configuração deste portátil foi preparada para executar, sem comprometer, os jogos mais recentes, ainda que nos mais exigentes seja necessário aplicar mais alguns ajustes gráficos.

O Lenovo Legion Y520-15IKBN-255 vem equipado com um Intel Core i7-7700HQ, um processador que encontramos em muitos computadores portáteis para jogos, dada a sua velocidade, poder e estabilidade. A auxiliar este processador temos 8 GB de memória RAM DDR4, o mínimo exigível para os dias que correm, e a popular Nvidia Geforce GTX 1050Ti com 4GB de memória dedicada GDDR5. Esta é atualmente uma das placas gráficas mais utilizadas nos portáteis para jogos, dada a sua versatilidade, desempenho e preço aceitável.  

 


Este conjunto de recursos revelou-se bastante equilibrado. Embora não nos permita chegar aos melhores configurações gráficas de alguns dos jogos mais exigentes, mas também não nos impede de  jogar nenhum deles, proporcionado uma experiência bastante razoável.

No que ao armazenamento diz respeito, o Lenovo Legion Y520-15IKBN-255 surge apenas com um disco SSD de 256 GB. Embora a escolha pela tecnologia tenha sido, quanto a nós, a mais acertada, pois antes preferimos um SSD de 256 GB do que um HDD de 1TB, pensamos que uma solução híbrida que juntasse os dois fosse o ideal. Encontramos no mercado vários computadores de valor semelhante com 128 GB SSD + 1TB, que acabam por oferecer um arranque em poucos segundos e um acesso mais rápido às aplicações e jogos, e espaço adicional para mais jogos e todos ficheiros que gostamos de acumular. De qualquer forma, os 256 GB são suficientes para jogar e trabalhar, embora seja necessária alguma gestão ou recorrer a um disco externo.

O Lenovo Legion Y520-15IKBN-255 possui um ecrã IPS anti-reflexo de 15,6 polegadas com resolução 1920x1080 e uma proporção de 16:9. É certo que já se começam a ver ecrãs 4K em alguns modelos, mas consideramos que este ecrã Full-HD é uma boa opção,  pois oferece qualidade, não aumenta consideravelmente o preço do computador, e não afeta de forma negativa a bateria.

Em relação a ruídos e temperatura, o Y520-15IKBN-255 é relativamente silencioso quando executamos tarefas pouco exigentes, como navegar na Internet, ouvir música ou processar texto, sem aquecer para níveis que consideramos excessivos. Quando o colocamos à prova na execução de jogos, as ventoinhas disparam, como seria de esperar, embora o ruído por elas produzido não seja demasiado incómodo, sendo “abafado” pelo som sai das colunas. Numa sessão de jogo de aproximadamente 30 minutos, a notámos um aumento de temperatura na parte superior do teclado, ou seja, no local que fica exatamente por cima do sistema de refrigeração do portátil. Nas restantes áreas do portátil não sentimos qualquer variação de temperatura.   

Uma característica bastante importante em qualquer dispositivo portátil é, sem dúvida, a autonomia da bateria. Neste capítulo, o Y520-15IKBN-255 teve um comportamento que está mais ou menos em linha com o que temos vindo a verificar em modelos da mesma gama. Numa utilização pouco exigente, em modo de poupança de energia, tivemos bateria para quase 6 horas, enquanto na execução de jogos a vida útil da bateria desce para quase metade.

 

 

Benchmarks

Nos testes de benchmark, optámos pelo 3DMark, da Futuremark. No teste "Time Spy", obtivemos 2441 pontos, com 15.47 e 13.30 FPS nos testes gráficos, e 10.71 FPS no teste ao CPU. Na comparação de resultados online, a Futuremark indica-nos que este PC está apenas 15% acima de todos os outros resultados, e ligeiramente aquém dos requisitos mínimos para experiências de realidade virtual HTC Vive/Oculus Rift.

No teste "Fire Strike", numa versão menos exigente, obtivemos 6773 pontos, com 37.54 e 32.47 FPS nos testes gráficos, e 27.17 FPS no teste de fisica. Na comparação de resultados online, a Futuremark indica-nos que este PC está 37% acima de todos os outros resultados.

Nos testes realizados com o PC Mark 10 obtivemos 4060 pontos, uma pontuação que está 43% acima de todos os outros resultados.

 

Conclusão

 

Encontrámos neste Legion Y520-15IKBN-255 um conjunto de recursos que nos permitem jogar qualquer jogo mais recente. É certo que a placa gráfica escolhida para este modelo não suporta 4K ou experiências de realidade virtual mais exigentes, mas quem procura um notebook desta gama também não deverá ter essas exigências.

Com um design apelativo, robustez e capacidade para executar os jogos mais recentes, o Lenovo Legion Y520-15IKBN-255 é sem dúvida um notebook indicado para gamers casuais ou mais entusiastas.

O preço do modelo que analisámos ronda os 1200€, mas a série de computadores portáteis Lenovo Legion Y520 oferece modelos a partir dos 999€.

Classifique este item
(0 votos)
Ler 290 vezes Modificado em Nov. 26, 2017
Tagged em

1 comentário

  • Ligação de comentário Herculano Herculano Nov. 26, 2017

    tenho aqui 1 com 16gb ram e ssd de gb...coloquei apenas 1 disco de rpm de 1 tb... não posso queixar-me do seu desempenho... desde autodek inventor a call of duty...corre tudo...boa compra!!

Deixe um comentário

Sobre nós

Nascida em 2002, a Wintech é uma pagina web que reúne informações sobre tecnologia. Apresenta regularmente guias, análises, reportagens e artigos especiais de tudo o que rodeia o mundo tecnológico.

O nome Wintech surge com o objetivo de apresentar conteúdos relacionados com o Windows (Win) e também com tecnologia (tech).

Ultimos comentários

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail

Top